Versos ao vento   Leave a comment

Já caíram as flores, e o tempo se passou
A primavera foi embora, e nada mudou
Com promessas ao vento, o amor ficou
Não era nem paixão, ou amor de verão

Nossos olhos se cruzaram, março passado
Nossos rostos se tocaram, eu fiquei calado
Não tive coragem de mudar esse momento
Talvez se esse fosse só mais um sentimento
Do tipo que vem e vão com qualquer vento

Com você é como se nada importasse
Como se a chuva só não me molhasse
E em versos, eu nunca me expressasse
Sonhando num dia que tudo mudasse

Te amar não é mais apenas uma opção,
Nunca seria qualquer tipo de obrigação
É algo que eu ainda não sei como fazer
Mas ainda tenho algum tempo pra saber

Anúncios

Publicado 08/26/2010 por Abigobaldo em dorgas

Etiquetado com

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: