Bacharel em Teologia: pra quê?   5 comments

Já que estamos falando de cursos, de problemas da igreja nos últimos posts, não há como não falar do creme de la creme, o mais badalado dos cursos, exibido pelas igrejas e pelos formados com maior orgulho, o diploma de bacharelado em… Teologia!

Citando Wikipedia, Teologia (do grego θεóς, transl. theos = “divindade” + λóγος, logos = “palavra”, por extensão, “estudo”), no sentido literal, é o estudo sobre deuses. Nada mais útil para um cristão que estudar aquilo que ele diz acreditar. Pombas, é natural! Se eu me interesso por uma coisa (princípio básico de se converter é ter se interessado pelo sobrenatural), eu estudá-la, procurar saber sobre ela, é compreensível.

Mas, qual a validade desse conhecimento? Qual o objetivo das pessoas ao cursarem teologia? Buscarem conhecimento sobre sua fé, e os fundamentos da sua igreja? Porque, aos navegantes, no curso de Teologia mal se estuda a Bíblia – se estuda a história da igreja, o contexto de alguns textos, e de alguns personagens importantes no desenvolvimento da história da igreja.

Basicamente, o conhecimento teológico é válido. Com ele, você vai entender o porquê as coisas da igreja atual são como são – daonde vieram as liturgias, como surgiram as doutrinas, qual o intuito daquilo tudo, e mil outras coisas.

O problema nem é esse. Se parasse por aí, tudo lindo, bonito e agradável. Mas dá pra contar nos dedos aqueles que fazem teologia pra adquirir conhecimento. A maioria faz não é para si – mas para os outros.

A maior parte dos teólogos quer, na verdade, é encontrar argumentos racionais pra provar pra ateus/agnósticos/pessoas-de-qualquer-religião-diferente que a fé deles é a correta, e que eles estavam certos, e os outros errados.

O curso tem sido feito por quem só quer é amaciar o próprio ego e alimentar a prepotência, ao afirmar que estava certo em crer em Deus – e os outros errados. Não que Deus não seja provado por métodos racionais, já há textos e teorias que o fazem de maneira esplêndida – eu te pergunto é a validade disso no evangelismo.

Porque, se é pra provar pra nós, cristãos, de uma maneira racional, que Deus existe mesmo, saca só, poxa, beleza – novamente, é adquirir conhecimento, e compartilhar. Mas o que as pessoas querem mesmo é debater, discutir, provar. Entrar em rodas de discussão sobre uma partícula fundamental que deu vazão ao Big Bang e… WHO CARES?

Não é o seu conhecimento teológico-histórico-arqueológico que vai converter uma pessoa. É uma coisa chamada VIDA, transformada pelo Espírito Santo. Porque, na verdade, quem se interessa por teorias do surgimento do mundo não quer, na verdade, buscar o de onde viemos ou pra onde vamos, mas sim um o que eu estou fazendo aqui?.

Quer fazer teologia? Faça. Mas faça pra aprender, não pra satisfazer seu ego.

Anúncios

Publicado 07/22/2011 por Abigobaldo em Igreja

Etiquetado com , , , , ,

5 Respostas para “Bacharel em Teologia: pra quê?

Assinar os comentários com RSS.

  1. ainda bem que a sua namorada não faz teologia! ainda bem! hiasudhasiudhauidas ❤

  2. tem que ter muito tempo sobrando na vida pra se fazer teologia só para amaciar o ego,
    fala sério, vai jogar video game hahaha

  3. Nossa Abigobaldo! Detono! Exceleeeeente! Caraca mesmo! Muito bom!

  4. Caramba! Que texto forte e real! parabéns Abigo! Aaah se todo teólogo tivesse consciência dessas verdades!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: