Confusão   Leave a comment

Estou naquela fase que não consigo produzir nada. Os textos saem meio mancos, as fotografias saem sem-sal, os versos não fazem sentido. O que faz completo sentido, já que, se guardados na minha cabeça os pensamentos já estão completamente perdidos, porque fora dela, a bagunça faria algum sentido? Só me perco mais e mais, procurando meu sentido.

São idas que não se completam, vindas que cansam, caminhos que não existem e muitas paredes que eu continuo a bater com a cara – talvez seja a luz, talvez seja falta de equilíbrio. Falta iluminação, falta respirar fundo, falta descobrir para onde eu quero ir; falta equilíbrio no que eu tenho feito, no que eu busco – basicamente eu não tenho tido nenhuma medida. Não tenho sido fiel, mas no sentido primeiro da palavra.

Não é que eu traí alguém, ou quero ser corinthiano, mas sem equilíbrio, como eu posso ser um padrão? Fiel é aquele que estabelece um padrão, e como eu posso estabelecer um padrão se eu mesmo não tenho seguido um?

Olho pros meus últimos dias e vejo um emaranhado de caminhos quase-abertos, de verdades quase-reveladas e de momentos quase-vividos. Na busca por um sentido, eu não procurei por nada.  Naturalmente, só achei o que não precisava.

Eu só sei que se eu continuar procurando dentro de mim, a resposta não será satisfatória.

Anúncios

Publicado 10/07/2011 por Abigobaldo em dorgas

Etiquetado com ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: